Acesse o novo site


Página inicial » Novidades » Quarta semana de junho tem exportações de US$ 4,075 bilhões

Quarta semana de junho tem exportações de US$ 4,075 bilhões

Segunda-feira, 25 de junho de 2012

Na quarta semana de junho, com cinco dias úteis, a balança comercial brasileira registrou exportações de US$ 4.075 bilhões (média diária de US$ 815 milhões). O valor das importações chegou a US$ 4,194 bilhões (média diária de US$ 838,8 milhões). A corrente de comércio (soma das importações e exportações) atingiu US$ 8,269 bilhões (média diária de US$ 1,653 bilhão). No período, o saldo da balança comercial ficou negativo em US$ 119 milhões, com média diária de menos US$ 23,8 milhões.


No acumulado do ano, o saldo da balança comercial apresenta superávit de US$ 6,211  bilhões (média diária de US$ 51,8 milhões). O saldo é 48,7% menor que o registrado no mesmo período de 2011 (US$ 12,110 bilhões, com média diária de US$ 100,9 miilhões).

De janeiro até a quarta semana de 2012,  as exportações brasileiras chegaram a US$ 111,996  bilhões (média diária de US$ 933,3 milhões) e as importações atingiram US$ 105,785 bilhões (média diária de US$ 881,5 milhões).
 
Junho

Pela média diária (US$ 942,3 milhões) das quatro primeiras semanas de junho, as vendas externas nas quatro semanas de junho caíram 10,7 % em relação a maio de 2012 (US$ 1,055 bilhão) e 16,5% em relação a junho de 2011 (US$ 1,128 bilhão). Em relação a junho do ano passado, houve retração das exportações das três categorias de produtos: semimanufaturados (-27,2%,  pelas quedas de ouro em forma semimanufaturada, açúcar em bruto, ferro fundido, semimanufaturados de ferro e aço, ferro-ligas, celulose e óleo de soja em bruto), manufaturados (-19,8%, em razão de açúcar refinado, veículos de carga, tratores, óleos combustíveis, automóveis, laminados planos, autopeças e calçados) e básicos (-11,0%, em função, principalmente, de petróleo, café em grão, minério de ferro, carne de suína, de frango e bovina, minério de cobre e farelo de soja). Já em comparação com maio de 2011, a retração foi consequência da queda das vendas de produtos básicos (-13,9%), manufaturados (-3,5%) e semimanufaturados (-15,8%).

Nas importações, a média diária até a quarta semana de junho (US$ 946 milhões), ficou 3,2% acima da média de junho do ano passado  (US$ 917,1 milhões) e 2,7% superior a maio deste ano (US$ 921,0 milhões). No comparativo com junho de 2011, aumentaram os gastos, principalmente, com combustíveis e lubrificantes (25,8%), aeronaves e partes (23,1%), adubos e fertilizantes (18,5%), siderúrgicos (9,7%) e equipamentos mecânicos (3,8%). Em relação a maio deste ano,  houve aumento, principalmente, nos seguintes produtos: adubos e fertilizantes (85,3%), combustíveis e lubrificantes (20,9), siderúrgicos (11,8%), químicos orgânicos e inorgânicos (4,7%) e borracha e obras (4,7%).
 

Acesse a nota com as informações balança comercial no período

Mais informações para a imprensa:
Assessoria de Comunicação Social do MDIC


« Voltar | Imprimir